Bem-Estar

Conheça melhor a ventilação cruzada

22 de abril de 2021 0 4 min de leitura

Conheça melhor a ventilação cruzada

Na ventilação cruzada, a refrigeração encontra a arquitetura e a construção civil. Com ela, utiliza-se o vento, um recurso natural, para refrescar sua casa ou seu ambiente comercial.

Essa é uma alternativa aos equipamentos de ventilação artificial que tanto usamos, como ventiladores e ares-condicionados. A principal transformação aqui é, em vez de gastar energia, economizar no uso de equipamentos.

Optar pela ventilação cruzada pode apresentar, então, uma grande diferença econômica na conta de luz ao final do mês. Além disso, essa é uma solução mais ecologicamente correta para a refrigeração do seu ambiente.

Como ela funciona

Saber o que é ventilação cruzada é o primeiro passo para adotar esse estilo, então explicaremos aqui como ela funciona e quais são os principais benefícios dela.

Basicamente, ela consiste em uma técnica de construção civil e planejamento arquitetônico chamada ‘ventilação natural’, que visa deixar sua residência ou seu estabelecimento bem ventilados.

Isso ocorre quando as portas e janelas de cada ambiente são projetadas em paredes opostas. Assim, o fluxo natural do vento entra por uma abertura e sai pela outra com maior velocidade, tornando o local mais arejado.

Adotando essa técnica, é possível ter um espaço muito mais refrescante durante a maior parte do tempo sem precisar de um aparelho de refrigeração. Assim, pode-se reservar esses equipamentos para períodos de calor mais extremo.

ventilação cruzada

Redução de gastos

Com a ventilação no seu ambiente ocorrendo de maneira constante e natural, confiando apenas no fluxo e na velocidade do vento para isso, reduz-se o consumo de energia elétrica.

Isso é especialmente importante nos dias de hoje, em que cada vez mais se discute a preservação do meio ambiente e as mudanças climáticas. Um menor uso de eletricidade significa que a demanda por energia diminui.

Com isso, perdem-se menos recursos naturais consumidos na geração de energia não-renovável e evita-se sobrecarregar fontes de energia renovável, como as hidrelétricas (que, por sinal, têm grande impacto ambiental).

Portanto, adotando um sistema de ventilação cruzada em sua casa ou seu estabelecimento, você não está só diminuindo o valor pago para a concessionária de energia, mas também está ajudando a natureza e o planeta.

O efeito chaminé

Chamamos de efeito chaminé o fenômeno natural em que, em um ambiente fechado, o ar quente ‒ mais leve e menos denso ‒ tende a subir, enquanto o ar gelado ‒ mais denso e pesado ‒ desce.

Esse efeito proporciona ainda mais conforto térmico e melhora a ventilação natural, pois ambientes que seguem essa técnica eliminam o ar quente com facilidade.

Ele pode ser feito pela colocação de aberturas próximas ao teto de um ambiente, por onde sairá o ar quente. Essas aberturas recebem o nome de lanternins e costumam oferecer resistência mínima ao fluxo de ar que sobe.

O efeito chaminé é uma boa alternativa para casas que não contam com a presença de ventos fortes o suficiente para a ventilação natural. Ainda assim, é possível combiná-lo à ventilação cruzada, pois o fluxo de vento mais veloz vindo de paredes ou janelas opostas ajuda a empurrar o ar quente para cima.

Adotando a ventilação natural

Comprar ou alugar um ambiente já construído seguindo essas noções é o jeito mais fácil de desfrutar da ventilação natural cruzada. Se esse não é o caso da sua residência e você não pode se mudar agora, não tenha medo, pois ainda é possível adotar algumas medidas para isso.

Por exemplo, uma alteração que não exige a realização de grandes obras ou reformas para melhorar a ventilação natural é a disposição de móveis nos seus ambientes.

Caso haja um armário ou estante em frente a uma janela, portanto bloqueando a passagem de ar, pode-se mudá-lo de lugar. Sem obstáculos, o vento passa mais velozmente e refresca mais o espaço. Agora, se você está disposto a uma mudança maior na residência, pode demolir paredes internas que barrem o fluxo de ar.

Complementando a ventilação cruzada

Ainda que faça uma boa adoção das técnicas de ventilação natural em sua casa ou estabelecimento, isso pode não ser o suficiente para que o local tenha uma temperatura agradável o tempo todo.

Em um país de clima mais quente como o Brasil, é interessante complementar a ventilação cruzada com o uso de aparelhos de refrigeração. Assim, pode-se utilizá-los em períodos em que não há vento o suficiente.

Uma boa dica é adquirir um ar-condicionado inverter, pois, assim como a ventilação cruzada, esse aparelho é mais ecológico e reduz o consumo de eletricidade. Seu motor tem rotação constante e variável, sem atingir altos picos de voltagem, o que pode diminuir os gastos com energia elétrica em até 60%.

Compartilhe este post ;)
Tags

Não existem tags para este post!